Johannes Vermeer (1632 - 1675)

Moça com brinco de pérola
Óleo em tela 46.5 x 40 cm - Museu Mauritshuis, The Hague

O meu amigo Barros, também colega da área de engenharia, publicou uma postagem bem completa sobre Vermeer que é o pintor holandês mais famoso do século XVII depois de Rembrandt. Através desta postagem fiquei conhecendo a página Essential Vermeer que apresenta informações técnicas e biográficas extremamente detalhadas além de recursos interativos de análise das telas, um dos melhores sites que já visitei sobre pintura.

Para ficar ainda no campo da literatura, o livro do irlandês Frank Wynne, resenhado hoje no caderno Prosa e Verso do jornal O Globo, traça a história do falsificador Hans van Meegeren (1889 - 1947), um artista frustrado, adorador da arte do século XVII num momento em que a pintura passava por uma revolução, nas primeiras décadas do século XX. Rejeitado por seu conservadorismo, ele ganhou cerca de US$ 65 milhões pintando telas com a técnica da idade de Ouro holandesa e vendendo-as como se fossem de Johannes Vermeer, cuja pequena quantidade de obras e o pouco conhecimento de sua vida facilitaram a fraude.

10 comentários
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais visitadas deste blog

Monólogo de Molly Bloom em Ulysses, "sim eu disse sim eu quero Sim"

20 personagens femininas da literatura mundial

Ian McEwan - Enclausurado

20 problemas que somente os apaixonados por livros podem entender

As 20 melhores distopias da literatura

Amós Oz e David Grossman avançam para a shortlist do Man Booker International Prize 2017