Tori Amos

É difícil classificar o trabalho da cantora, compositora e pianista norte-americana Tori Amos em categorias como pop, pop/rock ou rock alternativo. Assim como Björk, desde muito cedo ela insistiu em criar um estilo próprio o que acabou fazendo com que fosse expulsa do conservatório de piano clássico aos onze anos, por não gostar de seguir partituras e tocar apenas de improviso. As composições têm como base uma refinada técnica vocal que permite alcançar uma extensa gama de registros e modulações, com letras que abordam temas bastante distintos como feminismo, religião e sexualidade, sempre com uma abordagem autobiográfica.

Fiquei conhecendo Tori Amos através do CD duplo “To Venus and Back”, lançado em 1999, incluindo um disco gravado em estúdio e o outro ao vivo. Este álbum resume bem a carreira de Tori Amos que alcançou, no final dos nos anos noventa, muito sucesso no mercado americano e mundial (a foto de abertura da postagem é da edição de 1998 da revista Rolling Stone).

Hoje, Tori Amos já deixou de integrar apenas o universo Cult das intérpretes alternativas, tendo vendido mais de 12 milhões de discos em todo o mundo. O novo CD de estúdio, décimo de sua discografia, com o sugestivo título de “Abnormally Attracted to Sin” (Anormalmente Atraída Para o Pecado) está previsto para ser lançado no dia 19 de Março de 2009 com uma apresentação de Tori Amos. Ver maiores detalhes na página da cantora.

O vídeo abaixo, apesar das limitações de qualidade de gravação e um possível atraso na conexão com o Youtube, serve para divulgar a técnica instrumental e vocal de Tori Amos. A música “Cooling” é uma das preferidas de Tori em apresentações ao vivo e ficamos, ao final, um pouco hipnotizados com o refrão que repete em ondas sucessivas: This is cooling, Faster than I can, This is cooling, Faster than I can...

20 comentários
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais visitadas deste blog

Monólogo de Molly Bloom em Ulysses, "sim eu disse sim eu quero Sim"

20 personagens femininas da literatura mundial

Ian McEwan - Enclausurado

20 problemas que somente os apaixonados por livros podem entender

As 20 melhores distopias da literatura

Amós Oz e David Grossman avançam para a shortlist do Man Booker International Prize 2017