segunda-feira, novembro 07, 2016

Leila Slimani - Prêmio Goncourt 2016

Foto APF / Joel Saget
A escritora franco-marroquina Leila Slimani, de 35 anos, recebeu a mais importante premiação literária da França, o Prêmio Goncourt versão 2016. O romance "Chanson Douce" ("Doce Canção"), ainda inédito no Brasil, tem como base uma história real de uma dominicana que foi julgada pelo assassinato de duas crianças em 2012 em Nova York. Na ficção criada por Leila Slimani, Louise é uma babá "perfeita" contratada por uma tradicional família parisiense. O romance já é um sucesso de vendas na França, mais de 70.000 copias até o momento, e inicia com uma frase terrível: "O menino morreu".

A bela Leila Slimani é a 12ª mulher escolhida pela Academia Goncourt em 112 anos de história. Ela é a autora mais jovem a receber esta distinção e vem se juntar a um seleto grupo de escritoras, como Simone de Beauvoir, premiada em1954 com "Mandarins" e Marguerite Duras em 1984 com "O Amante". Leila Slimani, atualmente grávida, nasceu em 1981, em Rabat, Marrocos, filha de um banqueiro e de uma médica, aos 17 anos foi estudar em Paris. O simbólico prêmio de apenas 10 euros (que equivale à quantia que o primeiro vencedor recebeu em 1903) não se compara à promoção mundial que o livro ganhou.
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
>