Granta Vol. 3 - Seleção de William Boyd

Literatura
Revista Granta Vol. 3 - Editora Objetiva, Selo Alfaguara, 2008 - publicado originalmente em inglês por Granta Publications com o título: Granta 100.

William Boyd foi convidado em 2007 para selecionar os autores mais representativos de todas as edições da revista literária britânica GRANTA para a edição comemorativa Nº 100. Esta terceira edição em português segue o mesmo formato da edição original com exceção de um conto de Ingo Schultze, por já ter sido publicado no Brasil pela Editora Cosac Naify como parte do livro Celular em 2008.

Contos e poemas inéditos, além de trechos de romance em andamento de autores hoje famosos como Martin Amis, Doris Lessing, Mario Vargas Llosa, Harold Pinter, Salman Rushdie, Isabel Allende e Ian McEwan, além de outros ainda não tão conhecidos pelo público brasileiro como Tash Aw,  Lucy Eyre e Helen Oyeyemi, foram incluídos nesta edição que certamente é diversão garantida para os amantes da literatura de todos os gostos. O próprio William Boyd, editor desta versão da GRANTA, já é um colaborador antigo da revista, tendo sido escolhido como um dos melhores jovens escritores britânicos de 1983, autor de nove romances e três coletâneas de contos.

O fato de autores que hoje já foram premiados com o Nobel de Literatura como Harold Pinter (2005), Doris Lessing, (2007) e o recente Mario Vargas Llosa (2010) estarem incluídos nesta seleção e também fazerem parte da história da GRANTA dá uma ideia do nível de qualidade desta publicação.

Nesta edição, destaque para o trecho de romance do ótimo Hanif Kureishi (melhores autores de 1993) com "Algo a te dizer", lançado em 2009 pela Companhia das Letras, que nos conta a inadaptação de dois irmãos visitando o Paquistão em busca de suas origens e o sempre surpreendente e criativo Salman Rushdie (melhores autores de 1983) que escreveu um verdadeiro exemplo de malabarismo metafísico com Heráclito onde, partindo do pensamento do filósofo grego pré-socrático e passando por ícones da cultura pop como Charlie Brown do cartunista Charles M. Schulz e o homem aranha, chega até "Ulisses" de James Joyce, tudo isso para analisar o tema "O caráter de um homem é sua sina", parágrafo inicial de "As aventuras de Augie March" de Saul Bellow, imperdível.
2 comentários
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais visitadas deste blog

Os 20 melhores sites literários na internet

As 20 melhores distopias da literatura

Os meninos da rua Paulo - Ferenc Molnár

As 20 melhores utopias da literatura

As 20 obras mais importantes da literatura brasileira

Explicação da Eternidade, um poema de José Luís Peixoto