Erik Durschmied - Fora de Controle

história guerras
Erik Durschmied - Fora de Controle - Como o acaso e a estupidez mudaram a história do mundo - Editora Ediouro - 432 páginas - Tradução de Lólio Lourenço de Oliveira - Lançamento 2004.

Todas as guerras são absurdas e sem sentido, isto não é novidade para ninguém, mas o que certamente é muito pouco divulgado e discutido é a forma decisiva como fatores meramente casuais, erros de avaliação ou a simples postura egocêntrica de alguns generais e líderes políticos, definiram os vencedores e perdedores (se é que esses termos podem se aplicar, neste caso) e, consequentemente, boa parte da história. Nas palavras do autor: "muitas batalhas foram decididas por um capricho meteorológico, por um serviço de inteligência ruim (ou bom), por algum ato inesperado de heroísmo ou pela incompetência individual". A decisão de lançar a bomba atômica em Hiroshima em 6 de agosto de 1945, por exemplo, e não nas cidades de Kokura, Niigata ou Nagasaki se deveu à condição preferencial de nebulosidade daquele dia em Hiroshima. Esta decisão acarretou a morte instantânea de 140 mil civis.

O jornalista e historiador austríaco Erik Durschmied é, sem dúvida, uma autoridade neste assunto porque foi correspondente de guerra da BBC e CBS, cobrindo vários conflitos marcantes da história do século XX, como o Vietnã, Beirute, Irã e Iraque, só para citar alguns. Erik Durschmied ilustra o seu argumento descrevendo algumas das batalhas mais antigas da história, como Tróia e as Cruzadas, até chegar às guerras do século XX, o século que ficará marcado por duas guerras mundiais e o desenvolvimento das armas nucleares de destruição em massa. A queda do muro de Berlim, em 1989, mereceu um capítulo à parte e, como bem destacou o autor, talvez tenha sido a única batalha a ser decidida sem disparar um único tiro.

O texto de Erik Durschmied não tem a profundidade da análise política, econômica e histórica dos livros de Eric Hobsbawm, por exemplo, nem a beleza literária das descrições inesquecíveis da batalha de Waterloo de 1805 que Victor Hugo descreveu com detalhes em Os Miseráveis ou as batalhas de Napoleão no período de 1805 a 1813 que  Tolstoi utilizou como pano de fundo para seu romance Guerra e Paz mas, mesmo assim, este livro oferece uma excelente oportunidade de revisitar alguns dos eventos mais importantes da história universal de um ponto de vista objetivo e jornalístico.
4 comentários
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais visitadas deste blog

As 20 obras mais importantes da literatura argentina

As 20 melhores distopias da literatura

Objeto de Desejo

As 20 melhores utopias da literatura

My Question for Myself

Stormy Weather - Fotos da National Geographic