Péter Esterházy (1950–2016)

Foto Balogh Zoltán - MTI
Foto Balogh Zoltán - MTI
"As palavras são sempre insuficientes e nós podemos sempre tomá-las como esperança. Mas contra a morte elas não ajudam. Talvez possam servir contra a dor que se sente em relação à morte. Mas a literatura não é um meio de curar a dor, como uma aspirina contra a dor de cabeça. A literatura não é prática, mas perigosa." - Entrevista à Folha durante a FLIP 2011
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais visitadas deste blog

As 20 obras mais importantes da literatura brasileira

José Saramago (1922-2010)

Monólogo de Molly Bloom em Ulysses, "sim eu disse sim eu quero Sim"

As 20 obras mais importantes da literatura francesa

As 20 obras mais importantes da literatura russa

Os meninos da rua Paulo - Ferenc Molnár