Vencedores do Prêmio Jabuti 2017

Prêmios Literários

Silviano Santiago venceu a 59ª edição do Prêmio Jabuti, o mais tradicional troféu literário do Brasil, na categoria Romance com "Machado" (Companhia das Letras). O prêmio de Contos e Crônicas foi para Veronica Stigger, por "Sul" (Editora 34), e Simone Brantes levou o primeiro lugar na categoria Poesia com "Quase todas as Noites" (Editora 7Letras).

A cerimônia de entrega ocorrerá no Auditório Oscar Niemeyer, em São Paulo, no dia 30 de novembro quando os primeiros colocados receberão o troféu Jabuti e R$ 3,5 mil. Os ganhadores dos segundos e terceiros lugares também ganharão o troféu. No dia da premiação, serão revelados os vencedores do Livro do Ano – Ficção e Livro do Ano – Não Ficção que receberão o prêmio de R$ 35 mil. 

Conheça os vencedores de todas as 29 categorias clicando aqui e os escolhidos nas categorias de Romance, Contos e Crônicas e Poesia abaixo (com links para cada obra):

Romance
 

1º lugar - Machado, Silviano Santiago (Editora Companhia das Letras);
2º lugar - A Tradutora, Cristovão Tezza (Editora Record);
3º lugar - Outros Cantos, Maria Valéria Rezende (Editora Companhia das Letras).

Contos e Crônicas
1º lugar - Sul, Veronica Stigger (Editora 34);
2º lugar - Se for pra chorar que seja de alegria, Ignácio de Loyola Brandão (Editora Global);
3º lugar - Caixa Rubem Braga - Crônicas, Rubem Braga (autor), André Seffrin, Bernardo Buarque de Hollanda, Carlos Didier - Organização (Editora Autêntica).

Poesia
1º lugar - Quase Todas as Noites, Simone Brantes (Editora 7letras);
2º lugar - A Palavra Algo, Luci Collin (Editora Iluminuras);
3º lugar - Identidade, Daniel Francoy (Editora Urutau).
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais visitadas deste blog

As 20 obras mais importantes da literatura brasileira

Olga Tokarczuk leva o Man Booker International Prize 2018

As 20 obras mais importantes da literatura francesa

Poemas de Paul Éluard

Umberto Eco - Confissões de um jovem romancista

As 20 melhores distopias da literatura